Arteriosclerose - Sano Duarte

Arteriosclerose

A arteriosclerose ocorre quando os vasos sanguíneos que transportam oxigênio e nutrientes do seu coração para o resto do seu corpo (artérias) tornam-se grossos e rígidos - às vezes restringindo o fluxo sanguíneo para os seus órgãos e tecidos. Artérias saudáveis são flexíveis e elásticas, mas ao longo do tempo, as paredes em suas artérias podem endurecer.

A aterosclerose é um tipo específico de arteriosclerose. A aterosclerose refere-se ao acúmulo de gorduras, colesterol e outras substâncias dentro e sobre as paredes da artéria (placas), que podem restringir o fluxo sanguíneo.

Estas placas podem romper, provocando um coágulo de sangue. Embora a aterosclerose muitas vezes seja considerada um problema cardíaco, podendo afetar artérias em qualquer lugar do seu corpo. Estas doenças, a aterosclerose pode ser prevenida e tratada.

 

Sintomas

A aterosclerose desenvolve-se lentamente. A aterosclerose moderada normalmente não apresenta quaisquer sintomas.

Normalmente, você não terá sintomas de aterosclerose até que uma artéria esteja tão estreitada ou obstruída que não possa fornecer sangue adequado aos seus órgãos e tecidos. Às vezes, um coágulo de sangue bloqueia completamente o fluxo sanguíneo, podendo desencadear um ataque cardíaco ou derrame.

Os sintomas de aterosclerose moderada a grave dependem de quais artérias são afetadas. Por exemplo:

  • Se você tem aterosclerose em suas artérias cardíacas, você pode ter sintomas, como dor no peito ou pressão (angina).
  • Se você tem aterosclerose nas artérias que levam ao seu cérebro, você pode ter sinais e sintomas como dormência súbita ou fraqueza em seus braços ou pernas, dificuldade em falar, perda temporária de visão em um olho ou músculos caídos em seu rosto. Estes são sinais de um ataque isquêmico transitório (AIT), que, se não tratados, podem progredir para um acidente vascular cerebral.
  • Se você tem aterosclerose nas artérias nos braços e pernas, você pode ter sintomas de doença arterial periférica, como dor nas pernas ao caminhar (claudicação).
  • Se você tem aterosclerose nas artérias que levam aos rins, você desenvolve pressão alta ou insuficiência renal.
 

Desenvolvimento da aterosclerose

A aterosclerose é uma doença lenta e progressiva que pode começar tão cedo quanto a infância. Embora a causa exata seja desconhecida, a aterosclerose pode começar com danos ou lesões na camada interna de uma artéria. Os danos podem ser causados por:

  • Pressão alta;
  • Colesterol alto;
  • Triglicérides elevados, um tipo de gordura (lipídio) no sangue;
  • Tabagismo e outras fontes de tabaco;
  • Resistência à insulina, obesidade ou diabetes;
  • Inflamação de doenças, tais como artrite, lúpus ou infecções, ou inflamação de causa desconhecida.
 

Quando marcar uma consulta?

Se você acha que tem aterosclerose, fale conosco. Preste também atenção aos sintomas precoces de fluxo sanguíneo inadequado, como dor torácica (angina), dor ou dormência nas pernas.

O diagnóstico precoce e tratamento pode cessar a evolução da aterosclerose e evitar um ataque cardíaco, acidente vascular cerebral ou outra emergência médica.

Dúvidas sobre esta doença?

Agenda uma consulta com o Dr. Daniel Duarte ou com a Dra. Priscilla Sano e conheça mais.

Faça seu pré-agendamento
Questionário de qualidade de vida em Doença Venosa
 

Corpo Clínico

Um corpo clínico qualificado nas mais avançadas técnicas minimamente invasivas para tratamento das diversas doenças vasculares. Nossa maior especialidade é o seu bem-estar. Agende sua consulta!

Conheça nosso corpo clínico